Lean Manufacturing

 

Muitas empresas incluem nos preços de seus produtos itens equivocados como tempo exagerado para a produção. Existe a ideia de que o cliente tem que pagar totalmente o  valor de um produto e o quanto custou para produzi-lo. Mas a verdade é que os clientes só pagam pelo produto/serviço, se ele atender à sua necessidade. Eles não devem pagar pelos problemas de produção ou pelo desperdício desnecessário que é gerado. Esse desperdício é qualquer coisa que não adicione valor ao produto final, como a sobreprodução, defeitos e transporte.

Vamos a um exemplo...

Todo novo produto/serviço passa pela fase de teste. Achar que você vai lançar um novo produto já perfeito, é um pensamento sem pés no chão. Porém também, não sair da fase de teste demonstra algo errado. Nesse caso, o Lean Manufacturing ajudaria nessa fase de teste, para que não fosse levado mais tempo, produto e disposição necessária, para que na hora da venda, seu produto não fique com um preço lá em cima por causa desses custos na fase de teste.

O Lean Manufacturing foca na otimização de processos e eliminação de resíduos. Trata-se de esforços aparentemente simples, mas que contribuem para grandes resultados, fazendo o produto/serviço valer realmente, o preço adequado.

A ferramenta que tem nos ajudado a contabilizar tempo para execução de tarefas é o Pipefy. E ainda mais: como sabemos quanto tempo gastamos para executar um determinado projeto, por exemplo, podemos nos basear para outros projetos similares e assim, encontrar o preço equilibrado, para que nossos clientes não paguem por algo que não devem.

Quer saber mais sobre o Pipefy? Nós teremos o prazer de te explicar mais!

 

 

 

Conteúdo mais antigo Conteúdo mais recente