Motivos para você ter um negócio em família

Há quem afirme, no ramo empreendedor, que gerir um negócio em família só traz dor de cabeça e falta de alinhamento por alguns fatores como ausência de subordinação, comportamentos indisciplinados, abuso de autoridade para com os outros colaboradores que não são da família e outras questões envolvendo atritos de relacionamento familiar.

 


Entretanto, estudos comprovam que o desempenho das famílias supera o das concorrentes em todos os parâmetros.

 

O Manual de Governança para Empresas da International Finance Corporation (IFC) aponta que, tanto em termos de vendas e lucros quanto de outras medidas de crescimento, as empresas familiares se destacam das suas correspondentes não familiares.

 

Esse desempenho se dá por algumas características:

 

  • O forte compromisso que a família tem com o negócio
  • O alto nível de dedicação e o interesse em garantir a prosperidade para que a empresa possa ser transferida para a próxima geração.

 

Outros pontos altos são confiabilidade e orgulho, e no geral, empresas familiares trabalham com um horizonte de investimentos mais amplo, conseguem suportar melhor os momentos de crise e continuam comprometidas
e estáveis na relação família-empresa.

Muitas pessoas passam aqui pela EQS, e já vimos muitas pessoas começando seus negócios com algum familiar. E as motivações para isso são lógicas e emocionais. Pois a maioria das pessoas não possui o valor suficiente para comprar uma franquia, por exemplo, e quando tem algum parente que pode ajudar, nada melhor que trabalharem juntos, afinal, sempre queremos o melhor para quem faz parte da nossa família.


Contudo, não existe receita mágica para o sucesso do seu negócio familiar, e sim diretrizes de gestão que podem colaborar para que as coisas ocorram na melhor maneira possível na sua empresa, como delimitar as atribuições de forma clara para cada membro da família, estabelece direitos iguais a todos, deixar claro o cumprimento dos acordos antecipadamente estabelecidos de horário e comportamento, delimitar os assuntos que serão discutidos no ambiente apropriado, não se esquecer dos programas familiares fora da empresa, não dar lugar à exploração familiar, garantir um ambiente de trabalho agradável, e, acima de tudo seriedade, respeito e compromisso com o projeto.

 

 

Enfim, o sucesso do trabalho em família perpassa por um bom relacionamento familiar, garantindo que os negócios sejam prósperos e longos. Aproveite todos os benéficos e praticidades, todavia, tenha cuidado para não perder a mão e a justa medida nas atitudes para com os outros.

 

Quando os envolvidos em uma operação, seja a compra de uma franquia ou o início de uma nova marca, aprendem a lidar com esses exemplos citados acima, fica bem mais fácil fazer um negócio dar certo, ainda que até então eles tenham tido aqueles conflitos em família (que família que não tem?). A vontade de dar certo aliado com o respeito, faz esse negócio 'voar longe", de tão certo!

 

Gostou desse conteúdo? Compartilhe com seus familiares e amigos. ;)

 

Conteúdo mais antigo Conteúdo mais recente